Qual o propósito da minha vida ?

1 Pedro 1:1-2:Pedro, apóstolo de Jesus Cristo, aos eleitos que são forasteiros da Dispersão no Ponto, Galácia, Capadócia, Ásia e Bitínia, eleitos, segundo a presciência de Deus Pai, em santificação do Espírito, para a obediência e a aspersão do sangue de Jesus Cristo, graça e paz vos sejam multiplicadas. Bendito o Deus e Pai de nosso Senhor Jesus Cristo, que, segundo a sua muita misericórdia, nos regenerou para uma viva esperança, mediante a ressurreição de Jesus Cristo dentre os mortos”.

 

Vamos voltar a falar sobre os planos de Deus para a nossa vida. Só quando se compreende os planos de Deus, se encontra sentido e direção de vida. Diz João 15:16:Não fostes vós que me escolhestes, pelo contrário, eu vos escolhi a vós outros  e vos designei para que vades e deis fruto, ‘tu vais e vais dar frutos’ e o vosso fruto permaneça; a fim de que tudo quanto pedirdes ao Pai em meu nome, ele vo-lo conceda”.

Então, não existe nenhuma iniciativa do ser humano quanto à salvação ou quanto à busca de Deus. Por quê? Porque a Bíblia diz que o homem sem Jesus está morto, perdido por causa do pecado.

Começamos, agora, a entender que, quando conhecemos os planos de Deus, conhecemos, também, a direção de Deus para a nossa vida. Quando não se conhece os planos de Deus, não se conhece a direção de Deus. Eu posso te asseverar que, enquanto não tomamos conhecimento do plano de Deus para a nossa vida, todos nós andamos em sentido contrário à direção de Deus.

Tu deves fazer o que Deus preparou para ti. Tu nasceste para fazer o que Deus planejou para tua vida. Quando se está na proposta de Deus, há bem-estar, harmonia, alegria de vida, porque se está dentro daquilo que é bom, perfeito e agradável, que é a vontade de Deus. Provérbios 14:12.

Em Provérbios 16:25: “Há caminho que parece direito ao homem, mas afinal são caminhos de morte”.

Há muitas coisas que nós fazemos na vida que nos parecem direito. Tu vais para a escola, escolhes a faculdade, abraças uma carreira profissional, te casas, arranjas emprego, tudo parece direito… Não quero que tu andes por caminhos que apenas pareçam direitos. Quero que tu descubras qual é o caminho certo, qual é o caminho direito, porque grande parte das coisas que o ser humano faz, parece certo.

Olha como o profeta Isaías ensinou. Isaías 55:8-9: “Porque os meus pensamentos não são os vossos pensamentos, nem os vossos caminhos, os meus caminhos, diz o SENHOR, porque assim como os céus são mais altos do que a terra, assim são os meus caminhos mais altos do que os vossos caminhos, e os meus pensamentos, mais altos do que os vossos pensamentos.

Eu queria dizer-te, amado(a), se os teus caminhos pareciam certos, Deus tem caminhos muito mais altos para ti. Se tu achavas que ganhar cinco salários mínimos já era uma boa estrutura de vida, Deus tem algo mais alto para ti. Se tu achavas que viver com uma saúde mais ou menos é uma coisa boa, Deus tem algo muito mais alto para ti. Então, só Ele, que te criou e que é o responsável pela tua vida e pela minha, sabe quais os pensamentos e os caminhos certos que Ele tem para nós. Deus tem uma direção certa para cada um de nós. Se estivermos dentro desses planos e dentro dessa direção, tudo dará certo. Se andarmos em sentido contrário, tudo dará errado.

Há uma chamada para a nossa vida, há uma direção, há um plano, que são os caminhos mais altos, são os pensamentos mais altos, que são os certos, e eu vou te dizer uma coisa: Vale à pena interromper qualquer decisão para seguir os caminhos de Deus, em todas as áreas da vida.

Vale à pena, quando tu não estás andando na direção certa, interrompê-la para dizer: “Deus, qual é o caminho?” No caminho certo, no caminho de Deus, os pensamentos são mais altos.

Para compreendermos os planos de Deus precisamos voltar à Palavra do profeta Jeremias. Quando Deus mostra a Sua vontade, as coisas dão certo. Vê: A mim me veio, pois, a palavra do SENHOR, dizendo: Antes que eu te formasse no ventre materno, eu te conheci, e, antes que saísses da madre, te consagrei, e te constituí profeta às nações”.(Jeremias 1:4-5).

Onde começa o entendimento dos planos de Deus, da direção de Deus para a nossa vida? Quando compreendemos que a nossa verdadeira identidade é espírito e quando nós sabemos que fomos conhecidos por Deus, antes dos nossos pais nos conceberem.

Amado(a), todos nós, de qualquer país do mundo, antes de sermos formados no ventre de nossa mãe, já éramos conhecidos em espírito, e antes de nossa mãe nos ter, Ele já tinha um propósito, um plano.

Quando Deus mostra a Sua direção, há pessoas que resistem.

Os planos de Deus são perfeitos. Quando Deus tem um plano na nossa vida, Ele faz como diz a Bíblia, em Jeremias 1:6-10:Então, lhe disse eu: ah! SENHOR Deus! Eis que não sei falar, porque não passo de uma criança. Mas o SENHOR me disse: Não digas: Não passo de uma criança; porque a todos a quem eu te enviar irás; e tudo quanto eu te mandar falarás. Não temas diante deles, porque eu sou contigo para te livrar, diz o SENHOR. Depois, estendeu o SENHOR a mão, tocou-me na boca e o SENHOR me disse: Eis que ponho na tua boca as minhas palavras. Olha que hoje te constituo sobre as nações e sobre os reinos, para arrancares e derribares, para destruíres e arruinares e também para edificares e para plantares”.

Às vezes a pessoa diz: “eu não tenho muita cultura, a minha família não tem preparo para isso, não tenho capacidade para tanto.” Não interessa! Quando Deus tem um plano na vida de uma pessoa, Ele vai até o fim. E, enquanto a pessoa estiver lutando contra esses planos, ela não tem razão da vida.

Quando tu estás dentro da vontade de Deus, não há nada que te segure. Não há! Ele é o responsável pela tua vida, pela minha vida. Lê Filipenses 1:6.

Deus preparou algo para nós, e qual é o primeiro passo? O primeiro passo é tu estares na Igreja. Na Igreja tu vais ter os “insights”, vais ter a direção, vais aprender coisas, vais ouvir Deus falar. Tudo começa com a vida na Igreja, Deus vai te revelar qual é a carreira, qual é a vontade, quais são os melhores planos para a tua vida, os planos que são mais altos.

O que disse Paulo em 1 Coríntios 9:26? Assim corro também eu, não sem meta; assim luto, não como desferindo golpes no ar”.

Há muita gente que só vive dando golpes no ar. Não acerta nada. Onde aprendemos a ter metas e alvos? Ouvindo e estando na Casa do Senhor.

Amado(a), é bom, agora, nesta hora da mensagem, eu te dizer: Nada dá mais confiança e dignidade ao ser humano do que saber que está fazendo a vontade de Deus.

Hoje, acredito que estou pregando uma nova mensagem com uma nova ênfase sobre as questões de prosperidade. Sei que muita gente deve dizer aí fora: “Oh! Cuidado, porque ele agora está pregando prosperidade materialista”. Não, eu estou dentro da vontade de Deus, ao te ensinar que Cristo morreu na cruz e ressuscitou ao terceiro dia para nos libertar da maldição da lei, da maldição do pecado, da morte, da maldição da pobreza. Amado(a), pobreza não é bênção, é maldição. Não é vontade de Deus que tu vivas uma vida de pobreza, de faltas, de necessidade, de doenças. Não é vontade de Deus.

Há dois mil anos, o Sangue derramado na cruz do Calvário não nos libertou somente do pecado e da morte. Ele nos libertou da vida de sofrimento, do cheque para cobrir cheque, das dívidas, da vida quebrada. Ele veio dar vida e vida em abundância. Então, a mensagem que eu prego está certa.

Por que Cristo precisou ser pregado numa cruz? Por que teve que levar uma coroa de espinhos na cabeça? Por que aqueles cravos, aqueles pregos e espinhos? O madeiro, a cruz do Calvário, era símbolo de maldição. E por que Ele teve que ir para lá? Para nos libertar de tudo o que é maldito, que Satanás colocou na nossa vida, e para trazer de volta aquilo que Satanás roubou da nossa vida.

“Mas Apóstolo, por quê? Por que as mãos do Senhor foram encravadas? Por que aquele sangue derramado? Por que não lhe cortaram o pescoço e, com isso, acabaria Seu sofrimento?” Nós precisamos entender o que a Bíblia diz, isso é revelação. As mãos são símbolo de capacidade econômica e de força. O homem que não está debaixo do domínio da Glória do Cristo, que teve os cravos encravados nas mãos, não tem capacidade e força econômica para viver. Lê Deuteronômio 12:7 e Deuteronômio 28:8.

Por isso que Jesus levou aqueles cravos, aqueles pregos nas mãos, para que hoje as nossas mãos sejam uma bênção, e onde colocarmos as mãos está abençoado, e agora as nossas mãos têm a bênção da ausência da maldição, são para emprestar e não tomar emprestado. Foi por isso que Jesus foi pregado na cruz. Fomos redimidos da pobreza, da falta, do ter que fugir, do cheque para cobrir cheque, do cheque sem fundo. Nós nascemos de novo, não para vivermos mais uma vida quebrada de desolação, de cativeiro, de prisão e de falência. Hoje é o dia da ressurreição, hoje Deus diz que te libertou da pobreza, da miséria, da enfermidade, da droga, do álcool, do sexo ilícito, da mentira, da fornicação, do adultério. Ele ressuscitou para que tu fosses liberto de tudo. Isso é a razão da Páscoa, essas são as boas novas de grande alegria. Fomos redimidos pelo Sangue derramado(a) na cruz, para tomarmos posse da nossa herança que Ele nos deu pela Sua ressurreição. Nós somos livres da maldição.

Amado(a), como Deus pode ser glorificado na vida de um povo, se ele não tem comida na mesa? Como Deus pode ser glorificado, se há pessoas que só bebem o café da manhã e a próxima refeição vai ser o café no dia seguinte? Como Deus pode ser glorificado quando as pessoas têm tantas contas para pagar, têm que fugir do oficial de justiça, que vem pegar o apartamento, têm que andar de ônibus, têm que viver de aluguel, têm que comer uma refeição por dia… isso serão boas novas de grande alegria? Não. Ainda há quem diga que eu estou pregando o materialismo. Não, eu estou pregando o direito que os filhos de Deus têm sobre a Terra. Eu estou pregando a razão porque Cristo tomou sobre si o castigo, a dor, a maldição e os encravou na cruz do Calvário.

Quero dizer a todos: Nós fomos redimidos pelo Sangue do Cordeiro para estarmos dentro dos propósitos de Deus e para vivermos uma vida por cabeça e não por cauda. Não damos socos no ar, mas temos uma meta para viver.

O que disse o salmista no Salmo 34:8?Oh! Provai e vede que o SENHOR é bom; bem-aventurado o homem que nele se refugia”.

Se tu estás tentando ser como alguém que não é de Jesus, estás em direção contrária ao teu destino. Eu acredito, honestamente, que milhões de pessoas serão salvas no mundo e viverão com metas por causa do nosso Ministério.

Pedro volta a dizer em 1 Pedro 1:3Bendito o Deus e Pai de nosso Senhor Jesus Cristo, que, segundo a sua muita misericórdia, nos regenerou para uma viva esperança, mediante a ressurreição (então ele me regenerou para eu andar apanhando e câncer e tumores e falta de dinheiro e miséria e agiotas e oficial de justiça atrás para tirar o apartamento e os bens? Ele me regenerou, foi Ele, não fui eu que pedi, foi Ele, para uma viva esperança. Esperança de que? Sarna para me coçar? Não! Esperança de ter uma vida abundante, financeiramente em paz, ter a minha casa própria, meus filhos, minha mulher, meu marido, meu trabalho, minhas economias, minha velhice com dignidade; essa é a viva esperança. E isso tudo aconteceu por quê? Porque Ele ressuscitou! Buda não ressuscitou, Maomé não ressuscitou, Confúcio não ressuscitou, Ele ressuscitou! Para que os seus filhos tenham uma viva esperança. “Ah Pastor, a minha esperança é que amanhã, se eu morrer, vou para o céu.” Não, amado(a), a tua esperança é aqui nesta Terra. Tu tens as tuas mãos abençoadas para teres capacidade econômica, para trabalhares, porque a maldição já foi tirada das tuas mãos, para dizeres: “meu filho estuda, está aqui o dinheiro para pagar a escola; minha mulher pode fazer a unha, pode comprar sapatos, pode botar um vestido novo, vamos no nosso carro para a Igreja.” É isso que Deus quer. Ele quer casa própria para todos, dívidas canceladas, escrituras assinadas, chave na porta que abre e ninguém pode fechar, que fecha e ninguém pode abrir, é isso que Deus quer!) de Jesus Cristo dentre os mortos”,

Há pessoas que estão a ponto de desistir de tudo. Desistir do trabalho, da escola, da faculdade, do casamento, da vida. Alguns estão a ponto de jogar a toalha por não agüentarem mais o sofrimento. Alguns estão cansados da religião. O propósito que Deus tem para a tua vida é muito maior do que qualquer problema que tu estejas enfrentando ou vivendo hoje. Tu não estás na Igreja acidentalmente. Estás porque Ele te trouxe. Vê o que diz Mateus 11:28:Vinde a mim, todos os que estais cansados e sobrecarregados, e eu vos aliviarei”.

A primeira coisa que Deus faz é tirar o fardo do cansaço, porque é muito triste um chefe de família ter que fugir do agiota, do banco, do cheque para cobrir cheque… Isso é uma vida que Deus não quer para a nossa vida. Ele ressuscitou para uma viva esperança. “Vem a mim”…

O versículo 29 diz: “Tomai sobre vós o meu jugo e aprendei de mim, porque sou manso e humilde de coração; e achareis descanso para a vossa alma”.

Descanso. Ele não diz: “Tu vais achar nervosismo para puxares os cabelos e andares desesperado”. Ele diz: “Tu vais achar descanso, paz, tranqüilidade”!

Sabendo que Ele é o responsável pela nossa vida. Ele disse: “Eu comecei uma obra, uma boa obra na tua vida, eu vou até o fim contigo”!

Diz Atos 10:35:pelo contrário, em qualquer nação, aquele que o teme e faz o que é justo lhe é aceitável”.

Somos pessoas tementes a Deus. Estamos aqui para aprendermos a fazer o que é justo diante de Deus, não para sermos meio crentes, não para sermos noventa e nove por cento crentes, mas para fazer aquilo que é justo, para sermos aceitos diante do Pai.

Diz Efésios 1:1:nele, digo, no qual fomos também feitos herança, predestinados segundo o propósito daquele que faz todas as coisas conforme o conselho da sua vontade”,

Deus tem um propósito, uma vontade; se tu estás dentro desse propósito, Ele é obrigado a garantir até o fim, porque Ele faz o querer e o realizar, Ele é o responsável pela nossa vida, Ele faz tudo segundo o conselho da Sua vontade.

Colossenses 1:16:pois, nele, foram criadas todas as coisas, nos céus e sobre a terra, as visíveis e as invisíveis, sejam tronos, sejam soberanias, quer principados, quer potestades. Tudo foi criado por meio dele e para ele”.

Fomos criados para Ele. O tempo que andamos fora desses propósitos, foram tempos difíceis. Eu sofri um acidente no exército, dois anos em cama de hospital, vinte cirurgias, apodreci em vida, queriam me amputar a perna, cadeira de rodas, muletas, porque eu dizia: Não, eu nasci na igreja romana, não vou abrir mão dos meus santos, nasci com São Judas Tadeu e Nossa Senhora de Fátima. Eu não sabia que Deus tinha um propósito muito maior do que ser enganado pelos santos que têm olhos e não vêem, boca que não fala, nariz que não cheira, mãos que não apalpam, pés que não andam. Eu experimentei o fel amargo do mundo, infelizmente, dentro do hospital militar, tive que cheirar produtos químicos, injetar morfina, cheirar produtos que eram condenados pela medicina, fumar droga… Eu sei o que é o amargo e o cansaço da vida. Eu sei! Eu não tinha um dia de descanso. Quantas Ave-Marias e Pais Nossos eu rezei e não tinha paz, não tinha alegria, não tinha força para viver. Mas depois que descobri que Deus me fez para Ele, tudo mudou. Por isso Ele disse: “Agora pois filhos ouvi-me, porque felizes serão os que guardarem os meus caminhos(Provérbios 8:32)

Feliz é quem anda nos caminhos de Deus. A pessoa diz: “Não, mas eu tenho um santo de devoção que baixa numa mesa branca”. Isso é uma infelicidade. “Não, porque tenho um cristal que ponho, uma pirâmide.” Isso é um caminho de infelicidade. “Não, porque eu me ajoelho perante o Gongá, catulei a língua, a cabeça, as costas, os braços.” Isso é uma infelicidade. Isso é ser enganado por Satanás. O Senhor disse: “Felizes são aqueles que guardam os meus caminhos”.

Amado(a), tu que estás me ouvindo, diz: “Deus, eu me cansei de andar de ônibus, eu me cansei de só comer uma refeição por dia, eu me cansei de não ter a minha casa própria, eu me cansei de não sair a aposentadoria, Senhor eu me cansei disso. Deus, eu não quero jogar a toalha, eu não quero me atirar, eu quero viver a ressurreição, porque Tu morreste e ressuscitaste e a Tua Palavra diz que essa ressurreição me trouxe uma viva esperança”. Não viva esperança para chegar a casa e ouvir: “Não temos comida!” Agora, o que Deus espera é que o Seu povo acredite naquilo que é ensinado na Igreja, e não chegue depois lá fora e ouça alguém que fica murmurando contra Deus. O que glorifica a Deus é tu dizeres: “Está na Bíblia, eu creio. Eu creio que o meu Deus segundo a Sua riqueza em Glória há de suprir cada uma das minhas necessidades”. E, quando vem um diagnóstico médico, tu podes dizer: “Não concordo, a minha Bíblia diz que pelas chagas de Cristo eu já fui sarado”! É quando tu estás diante de uma situação que pensas: “Eu vou perder,” tu não aceitas e dizes: “Eu posso todas as coisas naquele que me fortalece”.

Quem faz o convite é o Senhor. Ele disse: “Vinde a mim, se tu estás cansado e sobrecarregado…” A lei diz: “quarenta dias de jejum são pouco. Quarenta e quatro são pouco, oito horas ralando o joelho em cima do milho são pouco; fica quatro noites sem dormir de vigília.. Mas Jesus disse: “Vinde a mim, vinde a mim todos vós cansados e sobrecarregados”.

Quem promete alívio e descanso é Deus. Tu sabes que Ele colocou em ti a certeza de dizer: “Nada vai falhar”. Na confiança de que o responsável pela tua vida começou uma grande obra e vai terminá-la. Tu encontrarás descanso para a tua alma.

 

ASSIM SEJA, ASSIM DISSE O SENHOR!

 

Teu Apóstolo, irmão e amigo, Miguel Ângelo.

TV CRISTO VIVE

TV Cristo Vive

Clique e assista

Participe de nossos cultos ao vivo, direto de nossa Sede Internacional no Rio de Janeiro - Brasil.

CULTOS

Cultos Brasil

Áudio | Vídeo

Domingo - 9:00h e 18:00h
Segunda-feira - 19:30h Quarta-feira - 19:30h

Cultos Portugal

cristoviveportugal@gmail.com

Domingo - 10:00
Segunda-feira - 20:30
Quarta-feira - 20:30
Horário de Lisboa

Cristo Vive em Portugal

ARQUIVOS

Visite nosso arquivo de mensagens em Áudio ou Video
Visite nosso arquivo de mensagens em texto

Cristo Vive em Portugal Blog do Eleito Facebook TV Online Milagres Vivos Youtube TV Cristo Vive Youtube Igreja Cristo Vive Palavra Profética