+55 (21) 3017-9090

Rua Maricá, 320 - Rio de Janeiro

Top

VENCENDO INCRÍVEIS DESIGUALDADES

VENCENDO INCRÍVEIS DESIGUALDADES

Romanos 8:37 “Em todas estas coisas, porém, somos mais que vencedores, por meio daquele que nos amou”.

Meu amado, meu filho na fé, santo precioso de Deus!

No seu dia-a-dia, no seu confronto com as vicissitudes, muitas vezes, o cristão se encontra com incríveis desigualdades, com diferenças grandes em relação à capacidade humana. É um patrão que ameaça despedir, é um diagnóstico médico ameaçador, é um marido que quer abandonar a esposa, é uma esposa que sofre com as atitudes do esposo, são filhos que se sentem incapazes perante as situações de tremendos desajustes dentro de seus lares.

Essas armadilhas que o inimigo coloca, situações muito além da tua capacidade de resolver, te fazem, muitas vezes, pensar: ‘Estou enfrentando uma desigualdade tão grande, que não há forma de vencer! Não vou conseguir ganhar!’ Pois bem, o Espírito Santo de Deus me encorajou a te dizer uma palavra forte da parte do Senhor: TU VAIS VENCER, SIM!!!

E por que? Porque, quando Deus te capacita, quando Deus te reveste do Seu poder, quando Deus te unge, não importa o tamanho do inimigo, o tamanho da adversidade, o tamanho da desigualdade, tu terminarás vencendo!  É verdade, irmão! Se nós nos deparamos com desigualdades incríveis, Deus tem o modelo e as regras para, no final de tudo, nos dar a vitória!

Inúmeras vezes, eu uso personagens da Bíblia que são muito úteis para momentos de desafios, de doenças, de crise, para que vejas que pessoas como nós, de carne e osso, também, em algum momento, se depararam com desigualdades tão grandes, que se perguntaram: ‘E agora? O que é que eu faço?’ E Deus lhes mostrou o caminho, a solução, e realizou a vitória.

Em se tratando de uma desigualdade imensa, nós sempre nos reportamos à história do rei Josafá, a qual já abordamos muitas vezes na igreja, e que é muito mais do que a história de um rei, pois reproduz uma estrutura de vida, que pode ser a sua, ou a minha, em alguma circunstância.

Josafá foi um rei muito fiel a Deus. Deus o abençoou, o prosperou e fez dele um paradigma para as tribos de Israel. Todavia, um dia, ele se deparou com uma incrível desigualdade. Vê o que diz II Crônicas 20:1-3 “Depois disto, os filhos de Moabe e os filhos de Amom, com alguns dos meunitas, vieram à peleja contra Josafá. Então, vieram alguns que avisaram a Josafá, dizendo: Grande multidão vem contra ti dalém do mar e da Síria; eis que já estão em Hazazom-Tamar, que é En-Gedi. Então, Josafá teve medo e se pôs a buscar ao SENHOR; e apregoou jejum em todo o Judá.”

É muito importante que o pregador, o tutor da igreja, aquele que tem a responsabilidade de pastorear as ovelhas de Jesus, tenha também a sinceridade de mostrar ao seu povo que adversidades são fatos que surgem na rotina das nossas vidas. Um rei fiel, que lutava pelo reino, e, de repente, três exércitos marcharam contra Josafá. Ele estava perante uma desigualdade incrível.

E Josafá apregoou um jejum porque era um costume, uma tradição dos judeus em dias de crises, de luto, de guerra. Esse jejum não tinha nada a ver com o jejum que a lei faz hoje, em busca de poder; era apenas cerimonial. Agora, nota uma coisa: Josafá  sentiu medo e se pôs a buscar ao Senhor.

Esse homem, como qualquer ser humano, ficou com medo, mas não se conformou com isso. Também, é muito importante dizer que ele não ignorou o problema. Muitas vezes, as pessoas têm problemas e fazem de conta que não os têm. Mas, Josafá pensou: ‘Há três exércitos marchando contra nós; como homem, tenho os meus temores, mas vou reagir! Eu vou buscar ao Senhor!

Quando nos encontramos diante de grandes desigualdades, é preciso reagir. Primeiro: não devemos nos conformar. Segundo: devemos buscar a solução em Deus. Terceiro: não devemos nos afastar da igreja. As pessoas, hoje em dia, quando têm um problema, a primeira coisa que fazem é se afastar da igreja; têm medo de se tornar alvo de comentários. Amado, quanto maior o problema, mais precisas da igreja! Tens que buscar ainda mais ao Senhor!

Todas as vezes que tenho um problema, eu não fujo da casa de Deus, não me escondo, não meto a cabeça debaixo da areia, como a avestruz. É na casa de Deus, no ensino da Bíblia, na oração da fé, no louvor a Deus que encontramos a solução. Somos o povo da fé, o povo do Deus Todo-Poderoso!

Tu podes vencer, mesmo quando não há uma saída natural. Josafá estava vendo três exércitos perante ele, uma incrível desigualdade, mas buscou ao Todo-Poderoso. Vê o que ele diz no vs. 12 “Ah! Nosso Deus, acaso, não executarás tu o teu julgamento contra eles? Porque em nós não há força para resistirmos a essa grande multidão que vem contra nós, e não sabemos nós o que fazer; porém os nossos olhos estão postos em ti.”

Na realidade, como ser humano, Josafá era impotente, mas tinha uma característica muito importante: era humilde. Ele disse: ‘Deus, eu não sei o que fazer, a multidão é grande, é muita coisa contra nós, reconhecemos a nossa incapacidade, todavia, os nossos olhos estão postos em ti.

Muitas vezes, é preciso tu te reconheceres incapaz de resolver um problema e teres a humildade de confiar em Deus. Vê como Paulo explicou isso em II Coríntios 3:5 “… não que, por nós mesmos, sejamos capazes de pensar alguma coisa, como se partisse de nós; pelo contrário, a nossa suficiência vem de Deus…”. Foi isso que Josafá fez. Ele confiou em Deus.

Por que Deus me mostrou esta palavra? Porque eu sei que muita gente está se deparando com muitos inimigos. Às vezes, é uma inclinação da carne pela bebida alcoólica, pelo cigarro, pela pornografia, pelo adultério, pela mentira… O ser humano tem as suas fraquezas, os seus temores, e é preciso começar a trabalhar estas áreas da vida em cima daquilo que a Bíblia diz.

Por ocasião da construção da nossa igreja, o nosso dinheiro ficou preso por causa do plano Collor. Fui, então, à vara federal falar com a senhora Juíza, e disse: Excelência, este dinheiro não é meu, é de uma congregação que lutou comigo, seu pastor, para termos recursos para construir uma igreja. Se ele não for liberado, vamos parar a obra, ter muita gente desempregada, e vai ser a vergonha de um pastor junto aos seus credores. Ela olhou para mim e disse: Eu não libero para ninguém, mas tenho a convicção de que o senhor está falando a verdade, e vou liberar o dinheiro da igreja.

Então, construímos a igreja e nunca nos faltou nada! Apesar de todos os impossíveis perante os nossos olhos, o nosso DEUS É O DEUS DOS IMPOSSÍVEIS! Para Ele não há nada demasiadamente maravilhoso. O Seu poder operou sobrenaturalmente, influenciou pessoas, mudou circunstâncias, tocou o coração da Juíza, permitiu que os credores esperassem e tudo terminou bem. Começamos com incríveis desigualdades, mas Deus honrou.

Vejamos o que Deus diz II Crônicas 20:15 “… e disse: Dai ouvidos, todo o Judá e vós, moradores de Jerusalém, e tu, ó rei Josafá, ao que vos diz o SENHOR. Não temais, nem vos assusteis por causa desta grande multidão, pois a peleja não é vossa, mas de Deus”. Não tens que dar ouvidos ao que diz o inimigo, ao advogado que é contra ti, ao cruel diagnóstico médico… Tens que dar ouvidos somente ao que  diz o Senhor!

A peleja não é nossa, a peleja é de Deus. Ai de quem pelejar contra ti, porque estará pelejando contra Deus. E por que Deus disse “não temais?” Porque Ele sabe que se te deixares levar pelo temor negativo, tu  não vives, te desencorajas, te enfraqueces, te desqualificas, começas a sentir pena de ti mesmo e, finalmente, paralisas! Por isso, Deus disse: ‘NÃO TEMAS’!

Eu acredito que Deus é a meu e a teu favor.  E quando Deus é a favor de alguém, não importa quem seja contra. Tu podes estar em incríveis desigualdades, mas Deus é maior do que todas elas! Por isso, assim diz I João 4:4 “Filhinhos, vós sois de Deus e tendes vencido os falsos profetas, porque maior é aquele que está em vós do que aquele que está no mundo.”

Deus quis mostrar a Josafá que é Soberano, que está no controle. Vê o  que diz o vs. 17 “Neste encontro, não tereis de pelejar; tomai posição, ficai parados e vede o salvamento que o SENHOR vos dará, ó Judá e Jerusalém. Não temais, nem vos assusteis; amanhã, saí-lhes ao encontro, porque o SENHOR é convosco”. Deus estabeleceu regras para a vitória de Josafá.

Amado, vê a classe de confiança de Josafá em Deus, em II Crônicas 20:9 “Se algum mal nos sobrevier, espada por castigo, peste ou fome, nós nos apresentaremos diante desta casa e diante de ti, pois o teu nome está nesta casa; e clamaremos a ti na nossa angústia, e tu nos ouvirás e livrarás”. Ah! É aqui a fonte: ‘Nós vamos clamar e o Senhor vai nos livrar!’

Josafá não estava ignorando o problema, seus olhos estavam postos em Deus! E eu pergunto o seguinte: onde temos nós colocado os olhos? Vejamos Hebreus 12:2: “…olhando firmemente para o Autor e Consumador da fé, Jesus, o qual, em troca da alegria que lhe estava proposta, suportou a cruz, não fazendo caso da ignomínia, e está assentado à destra do trono de Deus.”

Às vezes, nós tiramos os olhos do Autor da fé e colocamos na ameaça, no problema, no diagnóstico médico, no que disse o advogado, o vizinho… Fugimos da igreja. Irmão, somos o corpo de Cristo! Quando um membro sofre, o corpo todo sofre. Tua dor é a minha dor, tua angústia é a minha angústia, minhas lágrimas são as tuas lágrimas, nós somos uma família!

Não corras para o psicólogo, para o psiquiatra, para os calmantes… Corre para a igreja, para os braços de Deus! Irmão, como é importante estares na igreja na hora da crise. Não tenhas medo, vem para cá, chora no meu ombro, fica aqui do meu lado! NÃO É SOZINHO NA TUA CASA, É AQUI NA IGREJA QUE SE LEVANTA O CLAMOR A DEUS!

Rende graças ao Senhor, porque a Sua misericórdia dura para sempre! (Lê II Crônicas 20:20-30). Deus põe situações novas na tua vida! Ele abre e tranca portas, muda pessoas, tira um juiz, substitui alguém… A tua vida terá paz, irmão! Deus vai te dar repouso por todos os lados: na mente, no coração, no trabalho, na família! AMÉM! ASSIM SEJA, ASSIM DIZ O SENHOR!

                          Teu apóstolo, irmão e amigo, Miguel Ângelo.

Se nossa Mensagem tem abençoado a tua vida, se estas palavras tem feito bem ao teu espírito, ajude-nos a mantê-la, seja um semeador. Com certaza seu dízimo e oferta semeado em nosso ministério de evangelização, será honrado por Deus em tua vida com bençãos sem medidas. CLIQUE AQUI PARA DOAR!

Compartilhar
Nenhum Comentário

Escrever um Comentário