+55 (21) 3017-9090

Rua Maricá, 320 - Rio de Janeiro

Top

O que cada homem espera da sua esposa?

O que cada homem espera da sua esposa?

Vamos abrir a Bíblia em Efésios 5:25, 28: “Maridos, amai vossas mulheres, como também Cristo amou a Igreja, e a si mesmo se entregou por ela, (28) Assim também os maridos devem amar as suas mulheres como a seus próprios corpos. Quem ama a sua esposa, a si mesmo se ama.”

O que cada homem espera da sua esposa?

Vamos orar a Deus.

Senhor Jesus Cristo, obrigado, Deus, pela inspiração, pela direção para tratarmos desse assunto de família durante o mês de maio. Senhor, Tu sabes quem está aqui presente, quem está assistindo pela Internet e pelos canais de televisão. Tu sabes porque razão, Deus, centenas, milhares de pessoas foram despertadas para estarem na Casa do Senhor e também diante dos veículos de comunicação de massa. Há um propósito, há um propósito perfeito. E Tu queres fazer desse propósito algo tão forte, tão positivo, tão frutífero, que nós, agora, nos aquietamos para ouvir Deus falar, em nome de Jesus Cristo. E todo povo de Deus diga: Amém!

Meus filhinhos na fé, minha família amada, santos preciosos de Deus, eleitos segundo a presciência do Senhor, em obediência, servos e servas de Deus, amigas e amigos do Senhor Jesus.

Hoje começamos uma nova série de mensagens que ocupará todo mês de maio. Essa vai ser uma série empolgante e emocionante, especialmente, para aqueles que já são casados, para aqueles que querem casar e, também, para aqueles que estão numa profunda tristeza por causa do estado que se encontra o seu casamento. Não percas nenhum desses sermões. Tu que és uma pessoa casada, ou tu que és casadoiro, tu que queres te casar, ou tu que neste momento te encontras numa profunda tristeza pelo estado que está teu casamento, Deus tem resposta para todos.

Quando Paulo escreveu aos efésios, à Igreja de Éfeso, falou sobre o marido que deve amar a sua mulher como ao seu próprio corpo. O que Deus quer tratar durante esses dias é que, na realidade, Ele quer que o nosso casamento seja o céu na Terra, e que os filhos desse casamento sejam abençoados. Tu perguntas:

– Mas, Apóstolo, quais são as orientações que Deus tem hoje? O que um homem espera da sua esposa, da sua mulher, da sua companheira?

Meu amado, para tu entenderes esse assunto com profundidade e absorver os ensinamentos para vivenciá-los, é preciso que saibas que, normalmente, existem três estágios para o casamento. Isso é reflexão de tudo o que tenho visto e ouvido durante vinte e seis anos de Pastor.

O primeiro estágio: É o casamento que vive o encanto da lascívia, da luxúria, do amor entre um homem e uma mulher.

Há casamentos que se mantêm assim anos e anos e nunca têm outra atitude. Sempre estão muito empolgados no casamento.

O segundo estágio: é o estágio que eu chamaria: O casamento está enferrujado.

Um dia a coisa está bem, e no outro está mal. Um dia há beijos, e no outro não há beijos. Um dia há abraços, e no outro não há. Um dia sorri, e no outro chora. Então, há pessoas que não estão mais no encanto do casamento, mas estão com o seu casamento enferrujado.

O terceiro estágio: no terceiro estágio, normalmente, a sociedade vive muito isto: o casamento já virou poeira, já virou pó.

Tenho uma pergunta a fazer: Em qual estágio, em qual divisão se encontra o teu casamento? Será que não há mais fogo, não há mais paixão? Será que o teu casamento pode ter perdido o encanto, o valor ou a dimensão? Cabe à Igreja, ao Altar tratar desses assuntos, para estimular a vida dos casais da Igreja.

O que um homem, na realidade, um marido quer de sua mulher?

Existem dez coisas que um homem quer numa mulher:

1-                Todo homem, quando se casa, quer ter uma vida sexual ativa e realizada. Portanto, nós vamos tratar desse assunto, também.

2-                Todo homem quer ter na sua esposa uma companheira de verdade.

3-                Todo homem quer na sua esposa uma mulher bonita, arrumada, dada.

4-                Todo marido quer uma esposa comprometida com a vida do seu lar.

5-                Todo homem, todo marido quer ser admirado e apreciado por sua esposa.

6-                Todo homem, todo marido quer uma esposa com virtudes morais.

7-                Todo marido espera da sua esposa um pouco de humor.

8-                Todo marido espera da sua esposa inteligência, especialmente nas decisões que o casal precisa tomar.

9-                Todo marido espera da sua esposa total confiança. Só a mão no fogo não, o corpo todo.

10-            Todo marido espera uma esposa absolutamente honesta.

Eu sou a favor do casamento e da esposa. Pessoalmente, não tenho escolha. Graças a Deus que eu encontro, nesses dez itens, a homenagem que eu gostaria de prestar a minha esposa.

Então, meus amados, o que um homem espera da sua esposa?

Primeiro, o homem, quando se casa, quer ter uma vida sexual ativa e realizada. Por quê? Porque foi Deus, o Criador do Universo, quem criou a vida sexual do homem e da mulher. Sexo não é só para procriação, para ter filhos, mas é a união das almas de duas pessoas casadas. E por que eu disse: Casadas? Porque sexo fora do casamento é uma porta para o inferno. Quando Deus estabeleceu a vida conjugal, a estabeleceu para um casal, casado. Sexo, na Bíblia, é algo natural, como um copo de água. Vê que a própria Bíblia diz emHebreus 13:4: “Digno de honra entre todos seja o matrimônio, bem como o leito sem mácula; porque Deus julgará os impuros e adúlteros.”

Quando Deus criou a vida conjugal, a vida sexual, criou para procriação, mas a criou para a unidade das almas das pessoas. O momento mais alto, o clímax de um homem com uma mulher é a sua vida conjugal. Foi Deus quem a criou. E Ele disse que o leito de um casal casado é sem mácula. E fora do casamento? É impureza e adultério.

Então, a vida sexual começou com quem? Já que o primeiro item do nosso estudo de hoje é: uma vida sexual ativa e realizada. A vida conjugal, a vida sexual começou com quem, na Bíblia? Começou com Adão e Eva. Olha o que disse o Senhor em Gênesis 2:18: “Disse mais o Senhor Deus: Não é bom que o homem esteja só: far-lhe-ei uma auxiliadora que lhe seja idônea.”

Quando Deus criou a mulher, a criou para ser uma auxiliadora. Auxiliadora física, emocional, espiritual e conjugal. E disse que ela deveria ser uma auxiliadora idônea, honesta.

Quando Deus tirou aquela costela de Adão para fazer a mulher, Adão dormiu solteiro e acordou casado. Olha o que diz Gênesis 2:21-23: “Então o Senhor Deus fez cair pesado sono sobre o homem, e este adormeceu: tomou uma das suas costelas, e fechou o lugar com carne. E a costela que o Senhor Deus tomara do homem, transformou-a numa mulher, e lhe trouxe. E disse o homem: Esta, afinal, é osso dos meus ossos e carne da minha carne; chamar-se-á varoa; porquanto do varão foi tomada.”

Deus, o Criador, sabia exatamente o tipo de companheira que o homem precisava. Deus, o Criador, o Soberano, criou, misteriosamente, uma majestosa e maravilhosa criatura chamada: Mulher, para que ela se tornasse a perfeita companheira do homem.

Quando Adão sai do seu sono profundo, da sua anestesia e olha para aquela mulher linda, ele diz:

– Ossos dos meus ossos, carne da minha carne! Ele ficou simplesmente encantado.

O Criador sabia que Adão não estaria completo sem Eva. Ele seria um homem solitário, abandonado. Vê o que Deus disse quando Ele criou o protótipo do homem antes de o formar. Olha o que Deus diz Gênesis 1:27-28: “Criou Deus, pois, o homem à sua imagem, à imagem de Deus o criou; homem e mulher os criou. E Deus os abençoou, e lhes disse: Sede fecundos, multiplicai-vos, enchei a terra e sujeitai-a; dominai sobre os peixes do mar, sobre as aves dos céus e sobre todo animal que rasteja pela terra.”

Quando Deus criou a mulher, Deus disse a Adão:

– Adão, tu precisas ter filhos, vida conjugal, vida sexual!

Quando Deus cria alguma coisa, ele não cria fantasma, mas um ideal, tanto que a Bíblia é um livro de amores. Se tu conheceres a Bíblia, verás que ela relata amores. A sociedade é que os vê equívocos. Deus os vê perfeitos. Quer ver como Deus trata de amores na Bíblia Sagrada? Livro de Cantares de Salomão 1:2, 13, 16: “Beija-me com os beijos de tua boca; porque melhor é o teu amor do que o vinho. (13) O meu amado é para mim um saquitel de mirra, posto entre os meus seios.” Tu percebes que a Bíblia é um livro de amor(16) “Como és formoso, amado meu, como és amável. O nosso leito é de viçosas folhas.” Tu percebes que, quando Deus trata da relação de um homem com uma mulher, trata de algo bonito.

Senhora, trata hoje de chegar a casa, tirar umas pétalas de flores e jogar no teu leito. Olha só o livro de amores: Cantares 2:4-6: “Leva-me à sala do banquete, e o seu estandarte sobre mim é o amor. Sustentai-me com passas, confortai-me com maças, pois desfaleço de amor. A sua mão esquerda esteja debaixo da minha cabeça, e a direita me abrace.” Tu percebes que Deus quer esse tipo de amor entre nós?

Diz Cantares 3:1-4: “De noite, no meu leito, busquei o amado de minha alma, busquei-o, e não o achei. Levantar-me-ei, pois, e rodearei a cidade, pelas ruas e pelas praças; buscarei o amado da minha. Busquei-o, e não o achei. Encontraram-me os guardas, que rodavam pela cidade. Então lhes perguntei: Vistes o amado da minha alma? Mal os deixei, encontrei logo o amado da minha alma; agarrei-me a ele e não o deixei ir embora, até que o fiz entrar na casa de minha mãe, e na recâmara daquela que me concebeu.”

Mostra Cantares 4:1-5: “Como és formosa, querida minha, como és formosa! Os teus olhos são como os das pombas, e brilham através do teu véu.os teus cabelos são como o rebanho de cabras que descem ordeantes do monte de Gileade. (2) São os teus dentes como o rebanho das ovelhas recém-tosquiadas, que sobem do lavadouro, e das quais todas produzem gêmeos, e nenhuma delas há sem crias. (3) Os teus lábios são como um fio de escarlate, e tua boca é formosa; as tuas faces, como romã partida, brilham através do véu. (4) O teu pescoço é como a torre de Davi, edificada para arsenal; mil escudos pendem dela, todos broquéis de valorosos. (5) Os teus dois seios são como duas crias, gêmeas de uma gazela, que se apascentam entre os lírios.

Esse homem estava admirando sua esposa. Minha pergunta é: Há quanto tempo tu não admiras e não elogias a tua esposa ou vice-versa?

Não existe livro sobre a Terra que fale com mais dignidade sobre amor do que a Bíblia. Esse homem descreveu os cabelos, os lábios, os dentes, o pescoço… Há quanto tempo tu não olhas para a tua mulher ou para o teu marido e o elogia? Há mulher que pinta o cabelo, pinta a unha, troca de roupa e o marido não é capaz de notar nenhuma diferença.

Amado, quando uma mulher admira o seu homem, isso é um encanto para ele. É bom que os casais evangélicos da nossa Igreja se apreciem, se admirem. É bom que se elogiem. Admira o teu marido, amada. Admira a tua esposa, amado. Não aceitamos que os maridos da nossa Igreja admirem a mulher dos outros. Queremos que os maridos da Igreja admirem as suas esposas e os seus esposos.

O que o marido está esperando? Admiração! Há mulher que a única coisa que vê é erro no marido.

– Tu não prestas, não vales nada, és preguiçoso! Admira os valores do teu marido. Glória a Deus!

Diz I Coríntios 7:3-5: “O marido conceda à esposa o que lhe é devido, e também semelhantemente a esposa, ao seu marido. (4) A mulher não tem poder sobre o seu próprio corpo, e, sim, o marido; e também, semelhantemente, o marido não tem poder sobre o seu próprio corpo, e, sim, a mulher. (5) Não vos priveis um ao outro, salvo talvez por muito consentimento, por algum tempo, para vos dedicardes à oração e novamente vos ajuntardes, para que Satanás não vos tente por causa da incontinência.

Segundo – Conceder à esposa o que lhe é devido -O que é devido? É uma coisa que se deve! Quando compras um carro e deves o valor do carro, tu tens que pagar. Tu compras uma casa, tens que pagar a casa. Tu compras uma geladeira, tens que pagar a geladeira. O que é devido? O pagamento. Quando tu te casas, há coisas que devem ser pagas.

A vida conjugal, no casamento evangélico, é o devido pagamento. Deus exige lealdade nessa relação. O que o homem deve à sua esposa e o que a esposa deve ao seu marido? A vida conjugal satisfatória e ativa. Por quê? Porque a Bíblia diz: “Para que Satanás não vos tente”. Quando o casal não cuida dessa área, Satanás tenta. E existem casais evangélicos que foram destruídos por causa do adultério.

I Coríntios 6:9-10 “Ou não sabeis que os injustos não herdarão o reino de Deus? Não vos enganeis: nem impuros, nem idólatras, nem adúlteros, nem efeminados, nem sodomitas, (10) nem ladrões, nem avarentos, nem bêbados, nem maldizentes, nem roubadores herdarão o reino de Deus.”

Quando o casal não tem a sua vida conjugal satisfatória, Satanás tenta. Não penses que Satanás tenta somente as pessoas da rua. Ele tem como alvo o povo evangélico, o povo de Deus. É sobre nós que ele tem os canhões e a mira de alce pronta. Então, se tu não tens uma vida conjugal realizada, feliz, Satanás vai te tentar.

I Coríntios 7:2: “Mas, por causa da impureza, cada um tenha a sua própria esposa, e cada uma, o seu próprio marido.”

Quer dizer que, se a pessoa sai dessa relação entre marido e mulher, entra em que relação? Numa relação de inferno, de adultério, de fornicação, de impureza. O que disse Jesus emMateus 19:5: “e que disse: Por esta causa deixará o homem pai e mãe, e se unirá a sua mulher, tornando-se os dois uma só carne.

O que o marido espera da sua esposa? Esposas da Igreja, não arranjem desculpas; essa é a verdade. O seu marido espera uma vida conjugal satisfatória, realizada, feliz, tranqüila. Porque ele e a esposa são uma só carne, e essa uma só carne quer dizer o que? União sexual, conjugal. Foi Deus quem a criou.

Diz Provérbios 18:22: “O que acha uma esposa acha o bem, e alcançou a benevolência do Senhor.”

Quem encontrou uma esposa, encontrou um bem maior. Mas não é assim que os tribunais estão dizendo. Nós, evangélicos, temos que entender que, na nossa cultura Cristã, isso deve ser verdade. A esposa é a bênção, a benevolência de Deus para o marido.

Eu abro aqui um parêntese para explicar uma coisa muito interessante: O primeiro item que um homem espera da sua esposa é uma vida sexual satisfatória. Na nossa cultura, especialmente na cultura americana, e nós importamos muita coisa de lá por causa do cinema, existe uma cultura de manipulação. A pessoa que não tem uma vida conjugal satisfatória como evangélica, às vezes, tem uma manipulação. A pessoa diz:

– Olha, ou tu me dás o que eu estou pedindo ou eu não te dou carinho. Ou tu fazes o que eu estou dizendo ou eu vou dormir na sala. Isso se chama manipulação. O que disse Paulo em I Coríntios 7:4? “A mulher não tem poder sobre o seu próprio corpo, e sim o marido; e também, semelhantemente, o marido não tem poder sobre o seu próprio corpo, e sim a mulher.”

Portanto, ninguém tem o direito de manipular o marido ou a esposa na questão conjugal. Acredito que manipulação é um tipo de feitiçaria. A mulher que diz ao seu marido:

– Não me toques, se tu não fizeres o que estou pedindo, é manipulação e feitiçaria dentro do casamento. A feitiçaria destrói o casamento.

Eu vou vos dizer, senhoras: Hoje estamos tratando dos homens e, se alguém entre nós está tendo esse tipo de atuação, de manipulação, pára com isso. Tu não estás lutando com o teu marido, mas com Deus.

Este é o mandamento do Senhor: Mulher, o teu corpo não é teu, é do teu marido.

Muitos maridos, hoje, arranjam mil coisas para fugir de casa. Conheço um homem que trabalha todos os dias da semana e, no domingo, sempre arruma algo para fazer, para não ficar com a esposa em casa. Conheço mulheres que arranjam mil coisas para fazer e abandonam os seus maridos. Pára de fazer isso, minha amada. Tu estás lutando com Deus. O teu marido espera de ti uma vida conjugal realizada, ativa, feliz, recompensadora. É a Bíblia que manda e é isso, também, que esperamos das nossas esposas, sempre.

A esposa deve pensar assim, para que a sua vida conjugal seja uma vida realizada: O que o meu marido precisa verdadeiramente? Às vezes, tu pensas que o marido quer espaguete com feijão e frango assado. Não é isso que ele quer. Tu já perguntaste algum dia ao teu esposo:

– Filho, meu amado, pretinho, o que tu precisas; estou aqui? O que a Bíblia diz a respeito de vida conjugal? Senhora, tu tens que pensar assim.

Como é possível mudar e ser uma esposa melhor, muito melhor? Isso é o que o teu marido espera de ti. Não fujas do que a Bíblia diz. Se tu fugires, estarás em desobediência, pecando contra Deus. Tu podes saber todo o Pacto da Graça de Deus, mas, se tu não disseres:

– Onde eu tenho que mudar para ser uma esposa melhor? estarás em erro com o teu marido e com Deus.

Apóstolo, por que muitos casamentos saem do encanto, começam a enferrujar e viram pó?

Esse é o drama de hoje. Eu me recordo de que, quando era garotinho, ouvia a minha mãe conversar com a minha tia, e dizia:

– fulana de tal vai casar. Ela sabe costurar, sabe cozinhar, sabe pôr uma mesa, sabe receber pessoas, sabe… A mãe preparava a sua filha para o casamento. E, quando aquele homem se casava, ele ia com expectativas grandes, com uma preparação grande e o pai preparava de certa forma o filho para o casamento nas questões financeiras, nas questões que diziam a respeito ao casamento. Hoje em dia, tu falas com uma mocinha de quinze, dezesseis anos:

– Que tipo de homem tu gostarias para casar?

– Ah! Eu gostaria de casar com o Elvis Presley, com um homem como o Brad Pitt, e o rapaz indica a Angelina Joe. Não é isso que Deus espera de nossos adolescentes evangélicos quanto ao casamento.

– Toda a minha inspiração é casar com um homem como o Brad Pitt.

– Mas por quê? O que ele tem de temor a Deus, o que ele tem de bom para dar a alguém? Ele já trocou de mulher umas cinqüenta vezes.

Então, o que Deus espera, é que o casamento tenha grandes expectativas, mas muita preparação. Por que eu estou dizendo isso? Porque muitas pessoas já se casaram aqui e nas Igrejas evangélicas com grandes expectativas, com sonhos, fizeram juramentos, a noiva entrou com música clássica, aquela coisa brilhante, linda, aqueles véus, aquele aparato todo com o qual uma noiva entra na Igreja, mas como não houve preparação, só sonhos… Às vezes, seis meses depois ou até três meses depois, a moça em gabinete pastoral diz:

– Eu nunca imaginei que ele fosse assim. Ele é preguiçoso, não presta, não toma banho, tem mau-hálito, não escova o dente. E começam os ataques. Ora, mas tu tinhas que saber que ele era assim antes de casar. Deveria ter ido à casa da família e ter visto.

As pessoas têm expectativas muito grandes, mas não se preparam para casar. Quantos rapazes e senhores já se casaram na Igreja, e vivenciam aquele momento lindo, quando entra a noiva, o pai a entrega ao noivo, dá o beijinho na testa, sobem ao altar, riem, são filmados, fazem juras de amor, fazem promessas e, seis meses depois, o rapaz entra no gabinete pastoral e diz:

– Olha, o senhor nem imagina com que pessoa eu me casei; é inacreditável. Bem que a minha mãe dizia:

– Cuidado com os olhos dessa moça.

Ora, como é que uma pessoa evangélica casa com expectativas tão grandes, mas com tão pouco preparo para o casamento? O que diz a Palavra em Provérbios 31:10? “Mulher virtuosa, quem a achará? O seu valor muito excede o de finas jóias.”

O que diz a Bíblia? Mulher virtuosa. Não fala mulher vaidosa, mas mulher virtuosa. A mulher virtuosa deve saber fazer uma cama, arrumar um toalete, pôr uma mesa, costurar uma meia. Hoje, qual a virtude que uma moça tem, quando vai para o casamento? Ela é muito linda. Mas beleza não põe mesa. O preparo, sim, põe a mesa. Sucesso no casamento não é encontrar a pessoa certa. É ser a pessoa certa. Tu não encontrarás a felicidade no casamento se não construíres essa felicidade. Deves fazer a tua parte, porque, senão, nada acontece.

Há casais que vivem cinco, dez, vinte anos como dois estranhos dentro de casa. Por que, Pastor? Muitas expectativas e pouco preparo. E toda pessoa que vai despreparada para o casamento destrói vidas, sonhos e a aliança de Deus.

Eu vou dizer uma coisa muito importante: A partir de hoje, (isso é Deus que está mandando falar à Igreja) a Igreja Apostólica Cristo Vive não casará mais ninguém que não tenha passado por um curso de preparação de noivos. Pedirei, publicamente, às responsáveis pelo Ministério Pastoral Feminino para que preparem um curso para noivos. Não pode mais continuar assim! Há meninas que estão se casando e nem uma lata de sardinha sabem abrir. Não sabem fazer um miojo com salsicha. Aí vem o homem me dizer:

– Pastor, mas ela beija bem!

– Tu vais viver de beijo?

– Não, mas ela é fogo.

– Tu não vais viver de fogo. Fogo não é todo dia.

Pastoras, se unam com a minha esposa e preparem um curso de noivos. Durará cinco semanas, dez palestras. Precisamos ver se as meninas evangélicas só são de beijo na boca, ou se sabem cuidar de uma casa.

Eu falei com a minha esposa: vai no refeitório e eu vou ver se essas meninas sabem cozinhar ou não. Eu vou ver! Há jovem que não sabe fritar um ovo. Casam e o marido pede para fritar um ovo e a esposa não sabe nem o que é ovo. Não sabem costurar, não sabem cozinhar. Eu já entrei na casa de irmãos que a panela estava em cima do fogão com macarrão de uma semana, com cabelo. Tu sabes o que é entrar numa casa e a calcinha da mulher estar em um canto, o sapato estar em outro, o batom está no bidê, não sabe cuidar do período menstrual, não sabe cuidar de nada, e vem à Igreja e diz Glória a Deus?

Por que eu digo isso? É inadmissível que, na obra de Deus, evangélicos se separem, se repudiem, por causa de coisas bobas. Por não gostarem do que um ou outro falou. Parem com isso aqui na Igreja! Isso é lutar contra Deus. Não vamos aceitar isso no nosso Ministério. Só há dois casos que a Bíblia permite separação: por adultério ou quando a outra parte é ímpia e parte para agressões, faz passar fome, maus tratos, humilhações.

Diz Malaquias 2:16: “Porque o SENHOR, Deus de Israel, diz que odeia o repúdio e também aquele que cobre de violência as suas vestes, diz o SENHOR dos Exércitos; portanto, cuidai de vós mesmos e não sejais infiéis.”

O que Deus diz? Que odeia o repúdio. O que é o repúdio? É quando um homem ou uma mulher casados, mantém fora do casamento uma vida sexual ativa. Deus disse:

– Eu odeio isso! Odeio a infidelidade! A não ser por repúdio ou por impiedade com agressões, fome e humilhações.

O que Paulo disse? Se não consente, separa. Nós dizemos publicamente: Casamento, no nosso Ministério, é indissolúvel, não há repúdio, não há adultério, não há impiedade, não existe separação. Porque hoje é moda dizer: brigou pede divórcio. Porque as pessoas vão para o casamento com altas expectativas, mas com pouco preparo.

Terceiro, ouvea o que o Espírito está dizendo à Igreja. Ser casado é algo sagrado, é sério, é uma aliança eterna, não é uma opção, não é uma obrigação. É sagrado, é sério, é uma aliança, é até o fim, é para sempre. E eu espero não chegar nenhum dia em que tenha que julgar uma situação como juiz da Igreja e dizer: aquele casal adulterou. Não! Não aceitamos mais isso na Igreja, amados. Não provoques teu marido, amada. Não provoques tua esposa. Não dêem brechas para Satanás. O casamento é indissolúvel. Quem adultera e provoca separação assume conseqüências gravíssimas diante de Deus.

Então, casamentos perfeitos, talvez não existam, mas casamentos bíblicos felizes existem. Nossa Igreja tem muitos casamentos felizes que servem de exemplo. É muito importante mostrar afeição ao marido em várias oportunidades e de várias formas.

Amada, o que o teu marido espera de ti? Uma vida conjugal realizada, bíblica.

Casamento é indissolúvel. Agora, estou te mostrando detalhes. É muito importante amostrar afeição ao marido. Teu marido espera isso. Uma senhora escreveu um bilhetinho e disse:

– Ah! Eu vejo sempre a Dra. Rosanna agarrada ao senhor no Altar. Claro! Queria que eu estivesse agarrado a quem? Somos marido e mulher, e temos que demonstrar afeição porque nos amamos.

É muito importante mostrar afeição. Quando sair da Igreja, dá a mão ao teu marido, à tua esposa, beija-o constantemente na frente das outras pessoas. Não saias correndo deixando teu marido ficar para trás. Não saiam um atrás do outro. Saiam juntos de mãos dadas. Mostrem a todas as senhoras da Igreja que este é o teu marido, beija-o, abraça-o. Aprende a adaptar-se às diferenças que tu tens. Revela ao teu marido coisas sobre ti.

Os casos que chegam na Igreja são assim:

– Pastor, eu não sabia que aquela mulher era assim. Eu não imaginei que eu iria casar com uma mulher assim.

Então, fala ao teu marido dos teus sentimentos, dos teus pensamentos, dos teus hábitos, dos teus gostos, dos teus desgostos, da tua história de vida, das tuas atividades, dos teus planos para o futuro. Ora pelo teu marido quando ele sair de casa. Encoraja-o quando ele voltar entristecido, cobre-o com oração.

Casamento feliz não acontece sem esforço e dedicação. Amor é como uma árvore que é plantada: se é semeada em bom solo, se leva água, fertilizante, sol, essa árvore vai crescer sadia, não há vento que a derrube. Agora, se o amor dessa árvore é negligenciado, vai começar a gerar ressentimentos, hostilidades.

Muitos casais não gastam tempo em compartilhar seus sentimentos. O amor é cultivado ou ele morre. É como uma planta. Se não se cultiva, morre. Há casais que, se eu perguntar qual o nome dos atores da novela das oito, sabem o nome de todo mundo. Mas, se eu perguntar qual o número de sapato do marido, qual o número do terno, qual a cor que ele mais gosta, não sabem responder.

Aprende a falar das tuas coisas para o teu marido e vice-versa. Tu não tens que guardar segredos para o teu marido. O maior confidente de uma família são o marido e a mulher. Eles são os maiores confidentes.

Deixa-me passar, agora, alguns segredos de amor que eu acho muito importantes.

Paulo diz uma coisa muito forte, quando escreve aos coríntios, em II Coríntios 6:14: “Não vos ponhais em jugo desigual com os incrédulos; porquanto que sociedade pode haver entre a justiça e a iniqüidade? Ou que comunhão, da luz com as trevas?”

Um segredo de amor que eu vou te transmitir. Afasta-te de tudo que não é vontade de Deus. E Deus honrará o teu amor. Tu lembras história de Sansão e Dalila, em Juízes 16? Todo mundo conhece. Sansão era um Juiz de Israel, mas tinha uma fraqueza: mulher. Os pais disseram:

– Não é uma mulher da nossa tribo. Por que vais casar com uma mulher estranha?

Ele insistiu e andou com uma, com duas, com três e até que chegou a Dalila. Dalila destruiu a vida de Sansão. A palavra diz em Juízes 16: 20 “E disse ela: Os filisteus vêm sobre ti, Sansão! Tendo ele despertado do seu sono, disse consigo mesmo: Sairei ainda esta vez como dantes e me livrarei; porque ele não sabia ainda que já o SENHOR se tinha retirado dele.”

Ele achou que poderia continuar pecando e disse:

– Eu vou escapar dessa…

Escapa, escapa, escapa até que um dia pegou uma Dalila. Eu vou te dizer: Foge da Dalila!

Tu te recordas de Davi com Bate-Seba, mulher de Urias? Davi estava no palácio, quando viu aquela mulher e disse:

– Tragam-na aqui. Quem é ela?

– Ela é mulher de Urias.

– Ah! Esquece Urias… Manda matá-lo.

E o filho que eles tiveram, morreu. Foge de Bate-Seba!

Quando o profeta chegou junto de Davi, disse:

– Olha, Davi, rei, havia um homem que só tinha uma cordeirinha e veio um homem rico tomou-lhe essa cordeirinha, comeu, matou, levou. O que tem que acontecer com este homem?

– Morte a esse homem.

– Esse homem és tu.

Amor não é licença para trocar nem licença para pecar. Amor não é licença para controlar o teu marido ou a tua mulher.

Há pessoas que transformam a vida negra uns dos outros por causa do telefone celular. De dez em dez minutos ligam.

– Com quem tu estás? Quem é essa pessoa? Eu senti a respiração, estou sentindo pelo telefone o perfume dela, qual a cor da saia dela, mostra qual a cor do sutiã eu quero saber tudo.

Amor não é licença para deixar o ciúme destruidor se tornar um ditador.

Eu vi, na Igreja, meninas que eram felicíssimas e começaram a namorar garotos, de dezesseis e quinze anos, o garoto já chegou e disse:

– Está proibida de entrar na fila do ofertório. Nunca mais tu cumprimentas os Pastores da Igreja. Se eu te pegar rindo para algum diácono eu te meto a mão. Um garoto de quinze e dezesseis anos, um ditador. Depois, a mulher casa com esse ditador, que, na realidade, é um incrédulo e seis meses depois chega com um olho roxo e diz:

– Olha, Pastor, é que ele ia dar um murro na parede e deu no meu olho. Eu quero o divórcio.

Casamento é indissolúvel. Casamento entre dois servos de Deus é imaculado, é sagrado.

Quando tu errares, reconhece e pede desculpas. Aceita as responsabilidades do casamento. Não destruas a auto-estima do teu marido.

O que o marido espera da esposa? Encorajamento. Há mulher que fala para o seu marido:

– Tu não vales nada, és um banana, és igual ao teu avô.

Não destruas o teu marido. Foi Deus quem te deu. Estima-o!

Eu quero te dizer uma coisa muito importante, que é o segredo do amor: A Bíblia manda o homem reconhecer a sua esposa publicamente, pelas boas coisas que a esposa faz, e manda evitar críticas a ela.

Uma das coisas destrói um casamento é quando o marido critica a sua esposa publicamente. Deus proíbe isso. Deus exige dos maridos o reconhecimento das virtudes da mulher. Esse é um mandamento de Deus. Precisamos fazer na Igreja.

Olha o que diz Provérbio 31:28: “Levantam-se seus filhos e lhe chamam ditosa; seu marido a louva, dizendo:”

Então, como hoje nós estamos tratando do que o marido espera da esposa, queria dizer aos maridos que um dos mandamentos que Deus nos deu, à luz da Bíblia Sagrada, é a necessidade bíblica de tu louvares a tua esposa publicamente. Há maridos que não têm o hábito de dizer:

– Essa é minha esposa. Ela é maravilhosa.

Há maridos que criticam suas esposas na frente de todo mundo. Diz assim:

– Minha mulher queima arroz, gasta dinheiro, não toma banho, não raspa a perna.

Quando ela entra na igreja, todo mundo fica olhando. Não faças isso, amado. É muito triste uma mulher ser criticada pelo seu marido e vice-versa. Aprende a louvar teu marido/tua esposa. O teu marido a louva dizendo: Versículo (29) “Muitas mulheres procedem virtuosamente, mas tu a todas sobrepujas.”

– Deus seja louvado pela minha esposa! Eu reconheço nela virtudes, é maravilhosa, até o arroz que ela queima, fica bom. É uma maravilha!

Quando tu louvas tua mulher é uma prova de dignidade e cristianismo.

Há maridos que louvam a vizinha. Então, vamos criar um bom hábito na Igreja. Maridos, louvem as suas esposas. Aprendam a fazer isso, não tenham vergonha, louvem as suas mulheres publicamente. Diz no teu trabalho quem é a tua esposa. Mostra a fotografia dela. Não é uma fotografia de quando ela tinha cinco anos de idade, é a fotografia de agora. Não importa se é gorda, alta, magra, é tua esposa, foi Deus quem te deu. Louve-a. Diz que ela é a melhor de todas, que se sobrepõe a todas. Quando tu dizes isso, mais ninguém se aproxima de ti. Agora, se tu começas a criticar a tua esposa e dizes que ela não vale nada, que casou com aquele negócio e nem sabe porque casaste, que devia ter bebido alguma coisa, que era do espiritismo e baixou alguma coisa em ti… Eu sei que o Espírito está falando a muitos corações.

Diz a tua esposa que ela é uma mulher sensacional, uma boa mãe, uma boa companheira. Há esposas que estão esperando isso há trinta anos.

Tu queres ter uma relação de céu na terra? Tu, senhora, que dizes:

– Olha, eu não sou feliz, eu quero ser feliz, eu não quero viver em depressão.

Ou tu homem, que me dizes:

– Olha, Apóstolo, o meu casamento está morrendo e eu quero ter um casamento saudável.

Ou tu, senhora, que dizes:

– Olha Apóstolo, eu sou culpada de muitas situações porque sou uma mulher controladora, fico pegando no pé dele.

Ou tu, homem, que não reconhece o valor honesto da tua esposa. Ou tu que tens uma relação de namoro com uma pessoa ímpia e precisa deixá-la, e quebrar essa ligação com as trevas. Toma essa atitude, agora. Tu que não reconheces a tua esposa, e que dizes:

– Olha, Apóstolo, o meu casamento está morrendo, eu sou uma pessoa muito infeliz. É hora de tu, agora, tomares uma decisão. Aprendeste aquilo que Deus está esperando, e o que o teu marido espera de ti. É hora de viver aquilo que a Bíblia diz.

 

Se nossa Mensagem tem abençoado a tua vida, se estas palavras tem feito bem ao teu espírito, ajude-nos a mantê-la, seja um semeador. Com certaza seu dízimo e oferta semeado em nosso ministério de evangelização, será honrado por Deus em tua vida com bençãos sem medidas. CLIQUE AQUI PARA DOAR!

Compartilhar
6 Comentários
  • Miriam Costa
    27/08/2016em19:26

    Que palavra maravilhosa,é sempre bom ler palavras que edificam. Que Deus abençoe!

  • Sabrinaejoaopaulo
    25/09/2016em20:08

    Nossa ameiii , me ajudou bastante.

  • Vilson Freitas
    18/12/2016em03:54

    Esse é o verdadeiro ensino.

  • Neide de Medeiros Fernandes
    20/12/2016em16:41

    Estou impactada com esta mensagem aprendi muitas coisas,E agora vou colocar em pratica com a ajuda de Deus ,pq tbm concordo q casamento é para sempre .

  • Mirella
    09/10/2017em16:18

    Muito bom texto, amei tudo aqui!

  • Maria Paula
    16/10/2017em16:53

    Excelente artigo, obrigada por compartilhar!!!

Escrever um Comentário