+55 (21) 3017-9090

Rua Maricá, 320 - Rio de Janeiro

Top

Estudos

1 Pedro 3:21 “a qual, figurando o batismo, agora também vos salva, não sendo a remoção da imundícia da carne, mas a indagação de uma boa consciência para com Deus, por meio da ressurreição de Jesus Cristo;”.

Quando o Apóstolo Pedro escreveu esta carta às Igrejas, Ele já havia sido confrontado por Paulo e, por conseguinte, já havia compreendido o significado da figura de Deus. Por isso, ele pôde usar essa expressão tão forte falando da consciência, da indagação de uma boa consciência.

O próprio Pedro, anteriormente, não tinha uma consciência pura. Vejamos o que diz Gálatas 2:11-14 “Quando, porém, Cefas veio a Antioquia, resisti-lhe face a face, porque se tornara repreensível. Com efeito, antes de chegarem alguns da parte de Tiago, comia com os gentios; quando, porém, chegaram, afastou-se e, por fim, veio a apartar-se, temendo os da circuncisão. E também os demais judeus dissimularam com ele, a ponto de o próprio Barnabé ter-se deixado levar pela dissimulação deles. Quando, porém, vi que não procediam corretamente segundo a verdade do evangelho, disse a Cefas, na presença de todos: se, sendo tu judeu, vives como gentio e não como judeu, por que obrigas os gentios a viverem como judeus?”

Pedro, enquanto seguiu as diretivas da lei de Moisés, o legalismo, era uma pessoa repreensível. Há uma forma de se seguir corretamente o Evangelho, que é a Graça de Deus, e Pedro, apesar da sua sombra curar, de ter andado sobre as águas, de ter sido amigo do Mestre, não compreendia o significado da Graça.

Hebreus 11:1 “Ora, a fé é a certeza de coisas que se esperam, a convicção de fatos que se não veem.”

 

Meus amados irmãos, minha família, povo de Propriedade Exclusiva de Deus, ovelhas de Jesus, aqueles que são parte da Universal Assembleia dos Santos, primogênitos, que têm os seus nomes arrolados nos altos céus, irmãos queridos, minha família, meus filhos.

Iniciamos  uma nova década; e o Espírito Santo me incumbiu, inspirou e encorajou  para preparar o povo do Senhor, seja  o da Igreja  presente como o povo que está distante e assiste nossas mensagens pela mídia. O objetivo é  ensinar o povo é viver uma nova década com fé. No domingo passado, eu ensinei que, ou tu vives com fé, ou tu vives com medo. As pessoas que vivem com fé  estabelecem alvos de fé; não vivem por viver, não estão aqui por um acaso. Acreditam na Bíblia, estabelecem alvos e metas.Salientamos portanto, alguns pontos que nos servem de orientação que para atingir os objetivos precisamos:

2ª. Coríntios 5:7 “visto que andamos por fé e não pelo que vemos.”

 

Pelo ensino da Palavra, hoje, tu vais determinar como  queres viver os próximos 10 anos. Se feliz, ou  infeliz,  vencedor ou derrotado, por cabeça ou por cauda,  pessoa bem sucedida ou fracassada, crescendo em todas as áreas da vida, ou ficando  estagnado. Tu decidirás, porque tudo isso depende de como viverás, a partir de hoje, a tua vida de fé. Qual é a perspectiva que tu tens da tua vida? A forma  como tu consegues olhar a vida, vai determinar o teu propósito, a tua paixão e a tua história nos próximos 10 anos.

Como é que vês Deus? Eu quero que tu tenhas uma perspectiva perfeita  de Deus.


 

Zacarias 9 11-12: “Quanto a ti, Sião, por causa do sangue da tua aliança, tirei os teus cativos da cova em que não havia água. Voltai à fortaleza, ó presos de esperança; também, hoje, vos anuncio que tudo vos restituirei em dobro.”

Deus anunciou para a igreja que geraria estabilidade e abundância. Falou-nos de segurança com o conhecimento, da revelação e do temor do Senhor. Depois, levou-nos a compreender a profecia de Zacarias.

Deus estava colocando um ponto final nos cativeiros, na escravidão e na dominação em que muitos vinham vivendo. Por causa do Sangue da Aliança, por causa do juramento que Deus fez pelo Seu próprio Sangue, por causa da obra realizada na cruz do Calvário, por Deus ter jurado desde o Antigo Testamento por Si mesmo, temos garantias. O Sangue da Aliança é a nossa garantia. Tudo o que Deus diz em Sua Palavra se cumpre.

Joel 3:10 “Forjai espadas das vossas relhas de arado e lanças, das vossas podadeiras; diga o fraco: Eu sou forte.”

 

Meus amados irmãos, minha família espiritual, meus filhos em Cristo Jesus, aqueles que são propriedade exclusiva de Deus, que a Bíblia chama também de Nação Santa. Selo do meu apostolado.

Eu estou vivamente entusiasmado com a inspiração da fé para esta década. Ainda hoje,Deus me dizia: ‘Os melhores dias da vossa vida, chegaram!’ Muitos dizem que o melhor de Deus  ainda vai chegar, mas nós dizemos ‘Os melhores dias da nossa vida chegaram!’ Em profecia, o Senhor falou que haverá mudanças grandes. Haverá um novo lugar, um novo patamar, um novo caminho! O Mundo Espiritual vai agir em nosso favor como nunca agiu. O Senhor disse que: ‘Muitos estão voltando ao primeiro amor.O coração de muitos está voltando a arder com a Palavra. Anjos estão sendo ativados pela nossa confissão.’ O futuro está garantido. Nós vamos avançar, e nunca mais alguém vai deter sua vida! Falaremos de  uma tremenda  e ousada Profecia do Profeta Joel. Com expressão da Graça,  ‘Diz o fraco: Forte eu sou.’ A primeira pergunta que surge quando lemos isto é:

João 17:3 “E a vida eterna é esta: que te conheçam a ti, o único Deus verdadeiro, e a Jesus Cristo, a quem enviaste.”

Se o mundo conhecesse o Verdadeiro e Único Senhor, imediatamente, nos próximos segundos, a Terra seria cheia da paz de Deus.

É importante conhecermos quem é o verdadeiro Deus, porque há conseqüências quanto ao “deus” que se segue. Se tu segues o Verdadeiro Deus, as portas dos céus se abrem para ti. Se tu segues um deus falso, as portas do inferno se abrem para ti. Então, precisamos conhecer isso com profundidade. Por isso Jesus disse: João 17:3 “E a vida eterna é esta: que te conheçam a ti, o único Deus verdadeiro, e a Jesus Cristo, a quem enviaste.”

Jeremias 9:23-24 “Assim diz o SENHOR: Não se glorie o sábio na sua sabedoria, nem o forte, na sua força, nem o rico, nas suas riquezas; mas o que se gloriar, glorie-se nisto: em me conhecer e saber que eu sou o SENHOR e faço misericórdia, juízo e justiça na terra; porque destas coisas me agrado, diz o SENHOR.”

Vamos compartilhar sobre IMITAÇÕES E FALSIFICAÇÕES DO CRISTIANISMO.

O que é uma imitação ou uma falsificação? É uma coisa que parece real, mas é uma fraude.

Certa vez, chegou um irmão e me perguntou se eu queria comprar um relógio Rolex. Eu disse que sonhava em ter um Rolex. Ele me mostrou um que, quando perguntei quanto custava, disse-me que custava cinco reais. Falsificação, imitação. Mas também há muitas crenças falsas. A minha missão, como Pastor de almas, consagrado e chamado por Deus, é ajudar pessoas, não só a mudarem comportamentos ou o seu exterior – isso é um fato pouco relevante -, mas a minha missão é fazer as pessoas mudarem suas crenças.